terça-feira, 10 de julho de 2018

Prepara-te! Ó Igreja, Para te Encontrares Com o Teu Deus. (II Parte)

Prepara-te! Ó Igreja, para te encontrares com o teu Deus, o Senhor Jesus Cristo.

Texto Base: Amós 4. 12 (b)
Texto de Apoio: II Coríntios 5.10


 O que é se preparar?  Se preparar  é se por em condição para determinada coisa. No caso aqui exposto, é por-se em condição para se encontrar com o Senhor.
 Como me preparo? Eu me preparo através da santificação. Em Hebreus 12. 14, diz:" Segui a paz com todos e a santificação sem a qual ninguém verá o Senhor."  Santificação- ato de santificar-se, isto é, separar-se do pecado... Eu me santifico quando me separo de tudo aquilo que desagrada a Deus e me separa dele, isto é, de todo desejo e ações pecaminosos de minha natureza carnal.
 Eu me preparo através da vigilância.  Jesus diz em sua palavra: "Portanto, vigiai, porque não sabeis a que horas há de vir vosso Senhor."  Vigiar é estar atento; atento aos acontecimentos que mostram que a vinda do Senhor está próxima; atento a própria vida, pra não se deixar cair em tentação... e atento no cuidado em viver na prática da palavra de Deus.
 Eu me preparo através da obediência a palavra de Deus. Jesus diz em sua palavra: " Nem todo que me diz: Senhor! Senhor! Entrará no Reino dos Céus, mas todo aquele que faz a vontade de meu Pai que está nos céus."  Obedecer, é fazer conforme a vontade de Deus e, a sua vontade está registrada na Bíblia Sagrada. 
 Quando leio, medito e pratico o que está escrito na Bíblia, eu obedeço a Deus e, isso trás benefícios para minha vida e um desses benefícios é a salvação de minha alma. Porém, a desobediência a palavra de Deus trás malefícios, pois ao desagradarmos a Deus suas bençãos a nosso respeito ficam retidas e, se não houver arrependimento, a condenação eterna é inevitável.
 Jesus diz em sua palavra:" Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos em teu nome? E em teu nome, não expulsamos demônios? E em teu nome, não fizemos muitos milagres? Então, lhes direi abertamente(claramente): Nunca vos conheci. Apartai-vos de mim, vós que praticais a iniquidade."   Você pode ver nesse texto, que as pessoas condenadas estavam dentro das igrejas, achavam que eram salvas, que eram servas de Deus, pois faziam a obra de Deus, mas, estavam na desobediência a palavra de Deus e, foram condenadas a morte eterna.
  Eu me preparo através da minha comunhão com Deus. Quando eu oro, jejuo e medito na palavra de Deus diariamente, eu estou construindo e mantendo minha comunhão com Deus, e com isso fico cada vez mais íntimo do Senhor. E, também com isso eu tenho mais poder, unção, sabedoria, entendimento... e conhecimento de Deus. Quando faço isso, eu busco e penso nas coisas de Deus, me fortaleço contra as as ciladas e tentações do diabo e resisto o mal.
 Eu me preparo através do arrependimento e do desprezo pelo pecado. Arrepender-se é sentir tristeza pelo ato errado cometido e desprezá-lo, ou seja, lançá-lo fora da própria vida. Jesus diz: ".... se não vos arrependerdes todos de igual modo perecereis." Em Provérbios 28. 13, diz: " O que confessa o seu pecado e deixa, alcança misericórdia(perdão)."
 Eu me preparo através da fidelidade. Ser fiel é estar sempre ao lado de alguém sem nunca abandonar, sem nunca trair. Quem aceitou a Jesus deve ser fiel a Ele até o fim de suas vidas; a pessoa fiel a Jesus não abre mão de sua fé nele, não abre mão de estar nos caminhos dele em hipótese alguma; mesmo diante do perigo de morte, das tribulações, das perseguições... e aflições da vida.
Jesus diz em sua palavra: "Sê fiel até a morte e dar-te-ei a coroa da vida."
 Eu me preparo quando guardo a minha salvação. Jesus diz em sua palavra: "...guarda o que tens para que ninguém tome a tua coroa."  Guardar nesse contexto, é conservar; eu tenho a minha salvação e, tenho que me conservar salva, para que eu não perca a minha coroa, isto é, a minha salvação e, eu faço isso praticando tudo o que você está lendo nessa mensagem.
 Eu me preparo quando congrego com meus irmãos em Cristo na casa do Senhor. Em Hebreus 10. 25, diz: " Não deixando de congregarmos, como é costume de alguns, mas admoestemo-nos  uns aos outros, e tanto mais que vedes que se vai aproximando Aquele Dia(a vinda do Senhor Jesus)."
Congregar, é reunirmos com nossos irmãos na casa de oração(templo), e ali, juntos louvarmos, adorarmos e buscarmos a face de Deus. Quando congregamos nos fortalecemos, deixamos de estarmos sós, compartilhamos nossas necessidades com os irmãos, nos ajudamos mutuamente espiritualmente e materialmente(se houver necessidade); ouvimos a palavra de Deus através da pregação... e com isso vamos nos fortalecendo até a volta de Jesus.
 Queridoª, você pôde ver nessa mensagem que ninguém escapará de se encontrar com Deus, nosso Senhor Jesus Cristo. Todos deverão e irão comparecer diante do trono, do julgamento do Senhor Jesus para prestação de contas com Ele.  E, vimos nessa mensagem que uns receberão a salvação eterna por se acharem inocentes e outros receberão a condenação eterna por se acharem culpados de suas más obras.
 O Espírito Santo quer nos alertar através dessa mensagem, que precisamos nos preparar para a Vinda do Senhor Jesus.  Ele nos alerta, dizendo: " Prepara-te! Ó Igreja, para te encontrares com o teu Deus, o Senhor Jesus Cristo."  Deixo aqui uma pergunta: " Se Jesus vier hoje, tu estás preparado?" Pense nisso!

     Que Deus te abençoe ricamente em nome de Jesus!



Mensagem iluminada pelo Espírito de Deus.
Em:21/07/2017.
Autora: Sandra Moura.



quinta-feira, 5 de julho de 2018

Prepara-te! Ó Igreja, Para te Encontrares Com o Teu Deus. (I Parte)

...prepara-te, ó Israel, para te encontrares com o teu Deus,(Amós 4:12.b)

Porque importa que todos nós compareçamos perante o tribunal de Cristo, para que cada um  receba segundo o bem ou mal que tiver feito por meio do corpo.(II Coríntios 5:10)

Introdução.
Todos deverão e irão se encontrar com Deus, nosso Senhor Jesus, uns para receberem a salvação eterna e outros para receberem a condenação eterna. Todos os homens serão responsabilizados pelos seus próprios atos diante de Deus.

 O texto base diz: " ... prepara-te, ó Israel para te encontrares com o teu Deus."O povo de Israel estava em pecado, Deus os advertiu para que deixassem seu pecado, mas o povo de Israel era obstinado, não abaixava a cabeça, ou seja, não reconhecia seus erros facilmente. Por causa disso, Deus os punia com a fome, com pragas em suas plantações...e com a guerra, mas mesmo assim, não se voltaram para Deus e, neste texto, o nosso Deus diz para Israel: "prepara-te, ó Israel, para te encontrares com o teu Deus." Pois, ninguém irá escapar desse encontro, no Dia do Juízo, o dia do acerto de contas com Deus, todos comparecerão diante do Senhor para serem julgados pelas suas obras, sejam boas ou más.
 Nesse dia, todo joelho se dobrará diante do Senhor Jesus e toda língua confessará que só o Senhor é Deus.
 O encontro com o Senhor Jesus poderá ser através da morte do salvo. A lei da natureza é: nascer, crescer, reproduzir e morrer. Depois do pecado de Adão, nenhum ser humano escapa disso, a não ser, aqueles que estão reservados por Deus para o arrebatamento, pois fato é, que uns morrerão e outros serão arrebatados; mas, se esse não for o caso, todos estão sujeitos a morte física. Ao morrer, segue-se ao juízo, a alma vai para Deus ou para o inferno, tudo dependerá da escolha que o indivíduo fez aqui na terra enquanto estava vivo.
 O salvo vai para o Paraíso(céu) e, encontrará com o Senhor Jesus; Jesus deixou isso bem claro, quando disse para um dos ladrões da cruz: "... hoje mesmo, estarás comigo no paraíso."
 O encontro com o Senhor Jesus poderá ser na sua vinda. Jesus, nos fez a promessa de voltar, Ele disse: "Não se turbe o vosso coração crede em Deus, crede também em mim. na casa de meu pai há muitas moradas, se não fosse assim eu vô-lo teria dito , vou preparar-vos lugar. E, quando eu for e vos preparar lugar, virei outra vez, para que aonde eu estou, estejais vós também."
 A vinda do Senhor Jesus primeiramente se dará no arrebatamento da Igreja. Nesse dia, Jesus arrebatará(raptará), ou tirará subitamente a igreja dessa Terra; a Bíblia diz que será como num abrir e fechar dos olhos, ou seja, numa piscadela(isso indica a rapidez), que as pessoas que ficarem não perceberão no momento o ocorrido.
 Nesse dia, só os salvos serão levados, ou seja, os verdadeiros cristãos, aqueles que aceitaram a Jesus como o único salvador e Senhor de suas vidas e, andaram de acordo, isso é, em obediência a sua palavra. Não serão levados pelo Senhor aqueles que se dizem cristãos salvos, mas, não andam de acordo com os ensinos de Cristo, esses ficarão de fora do arrebatamento.
 O ímpio se encontrará com o Senhor Jesus para condenação eterna. No Dia do Juízo, o grande julgamento final, O Senhor Jesus colocará os salvos a sua direita e os perdidos a sua esquerda, como um pastor separa os bodes das ovelhas; então, lhes dirá para os que estiverem a sua esquerda(os ímpios): "Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eteno, preparado para o diabo e seus anjos..."  E, os que estiverem a sua direita(os salvos), Ele dirá:" Vinde, benditos de meu Pai, possuí por herança o reino que vos está preparado desde da fundação do mundo..."(Mateus 25. 31-41).
 Todos comparecerão diante do trono de Deus para o julgamento, não há escapatória. Os ímpios vivos e os que ressurgirão para a condenação eterna, para serem julgados segundo suas obras e, também, os que foram salvos. Jesus diz:"... porque vem a hora em que todos os que se acham nos túmulos ouvirão a sua voz e sairão.  Os que tiverem feito o bem, para a ressurreição da vida; e os que tiverem praticado o mal, para a ressurreição do juízo(condenação)." 
 Em Apocalipse 20. 12,15, diz que nesse dia abrir-se-ão  os livros das obras de todos e, abrir-se-á também o Livro da Vida, que é o livro aonde estão escritos os nomes dos salvos. E aqueles que não foram achados escritos nele serão condenados a morte eterna, no Lago de Fogo, que foi preparado para diabo e seus anjos, mas, também, será o destino daqueles que rejeitaram ao Senhor Jesus aqui nessa terra e pra aqueles que o aceitaram, mas, não andaram conforme a palavra de Deus.
 Prepara-te! Ó Igreja, para encontrares com o teu Deus, nosso Senhor Jesus Cristo... 
                                                                               Continua...


Mensagem iluminada pelo Espírito de Deus.
Em:21/07/2017.
Autora: Sandra Moura.

sexta-feira, 15 de junho de 2018

Frutificando na Perseverança com Deus

Se alguém não permanecer em mim, será lançado fora, à semelhança do ramo, e secará; e o apanham, lançam no fogo e queimam.(João 15:6)
Sereis odiados de todos por causa do meu nome; aquele, porém, que perseverar até o fim será salvo.(Mateus 10:22)

Introdução.

Se ficarmos firmes até o fim, não perderemos o fruto do nosso trabalho.

 Amadoª, perseverar é permanecer, ficar firme, é não desistir, é não voltar atrás. No texto base que lemos, em João 15:6, diz, que, quem não permanecer em Cristo, ou seja, quem não ficar ligado nele ou perseverar na fé nele e nos caminhos dele, será lançado fora, isto é, será separado dele e lançado no fogo(inferno). Isso significa ficar eternamente separado de Deus no sofrimento eterno, isto significa, morte eterna.

 Só reinará  com Cristo aquele que perseverar nele. Jesus é o Rei dos reis; é um dia ele virá  levar a sua igreja para viver com ele no seu reino, e lá reinaremos com ele, mas só irá reinar com o Senhor Jesus, aquele que perseverar ou permanecer firme nele até o fim. A palavra de Deus diz: "Se perseverarmos, com ele também reinaremos".
Só será salvo aquele que perseverar em Deus. Em Mateus 10:22, diz:" ...mas aquele que perseverar até o fim será salvo." Nesta palavra, o Senhor Jesus estava dizendo pros seus discípulos das dificuldades que iriam passar por causa do seu nome, Jesus disse que eles seriam presos, açoitados e até mortos, mas que eles tinham que perseverar até o fim e seriam salvos.
 Ser cristão não é fácil, há muitas lutas, principalmente espiritual, mas, não devemos deixar que as dificuldades nos faça voltar atrás, ou seja, desistir da nossa fé no Senhor Jesus; pois para se alcançar a salvação de nossa alma temos que perseverar firmes na fé em Jesus e em sua palavra.
 Aquele que persevera em fazer o bem, Deus o dará a vida eterna. Em Romanos 2:7, diz:"...dará a vida eterna aos que, com perseverança em fazer o bem, procuram glória, honra e incorrupção." Essa palavra diz que aqueles que perseveram em fazer o bem, isto é, em praticar boas obras, que glorificam a Deus e horam o seu nome através de suas atitudes, tendo uma vida incorruptível, ou seja, limpa, santa; a esses, Deus dará a vida eterna. Se queremos a salvação de nossa alma, temos que agir dessa forma.
 Os que perseveram em fazer a vontade de Deus, alcançam a promessa. Em Hebreus 10:36,37, diz: "Necessitais de perseverança, para que depois de haverdes feito a vontade de Deus, alcanceis a promessa. Pois ainda em pouco tempo aquele que há de vir, virá, e não tardará." Em João 14:1-3, Jesus faz uma promessa, a de voltar e levar sua igreja para morar com ele, mas, para alcançar essa promessa é preciso perseverar em fazer a vontade de Deus, ou seja, obedecê-lo.
 A obediência a palavra de Deus nos garante o direito de tomarmos posse das promessas de Deus; tanto as promessas de bençãos terrenas, quanto as espirituais e celestiais. Pois foi assim com Abraão, ele perseverou em obedecer a Deus e alcançou a promessa.
 Deus não tem prazer naqueles que retrocedem, isto é, que não perseveram na sua fé e voltam atrás. Em Hebreus 10:38, diz: " Mas o meu justo viverá da fé. E se ele recuar a minha alma não tem prazer nele."  O que mais alegra o coração de Deus é aquele que  o obedece, que persevera na fidelidade e na fé nele, que procura  andar em santidade... Quando a pessoa deixa de fazer tudo isso e volta  atrás, desistindo da sua fé e voltando para o mundo, ela desagrada e entristece o coração de Deus.
 Se queremos agradar a Deus e alegrar o seu coração, precisamos perseverar na fé nele e na fidelidade a ele. Os que não perseveram em Deus estarão perdidos; em Hebreus 10:39, diz: "Nós, porém, não somos daqueles que retrocedem para a perdição, mas daqueles que creem para a conservação da alma." O Senhor Jesus diz, que, aquele que não permanecer nele será lançado fora de sua presença e lançado no fogo eterno.
 Retroceder, é voltar atrás, é desistir, é deixar de perseverar na fé em Deus; é depois de ser iluminado por Deus, voltar as trevas do pecado. E, isso leva a pessoa pra perdição, se não houver um sincero arrependimento por parte da pessoa e, se ela não voltar a se ligar em Jesus e morrer no pecado, ela estará perdida eternamente, isso significa morte eterna, ou seja, ficar eternamente separada do Senhor Jesus em sofrimento eterno.
Os perseverantes são fiéis e receberão  a coroa da vida. Em Apocalipse 2:10, diz: " ...Sê fiel até a morte e dar-te-ei a coroa da vida." No contexto desse texto o Senhor Jesus diz para sua igreja que ela enfrentará grandes lutas, mas se ela for fiel e perseverante até o fim, ela receberá a coroa da vida, ou seja, a salvação eterna.
 Amadoª, a nossa perseverança em Deus, nosso Senhor Jesus, tem que crescer a cada dia, isso é frutificação. Aquele que trabalha pra se manter firme no Senhor, mas em determinado momento desiste, voltando atrás perde todo o fruto de seu trabalho. Todo esforço que ele fez até ali, será em vão. É como uma pessoa que está numa grande fila, se ela desiste de esperar a sua vez só porque está demorando, ela esperou atoa, isto é, foi em vão, não adiantou  nada ela esperar, foi tempo perdido.
 E, isso não pode acontecer, não podemos perder o fruto do nosso trabalho, do nosso esforço pra entrar no céu. Não podemos permitir que depois de lutarmos tanto pra sermos fiéis e perseverantes nos caminhos do Senhor Jesus, no final perdermos a salvação. 
Então, queridoª, não desista da sua fé em Deus, não retroceda, permaneça perseverante na sua fé e fidelidade a Deus até o fim de sua vida, para que no final você receba a coroa da vida, a salvação de sua alma.


    Que Deus te abençoe ricamente em nome de Jesus!



Mensagem iluminada pelo Espírito de Deus.

Em :06/03/2017.
Autora: Sandra Moura.



sexta-feira, 1 de junho de 2018

O Burro na Pele do Leão (Ilustração)

 Era uma vez um burro que estava cansado de ser burro. Como não tinha tamanho para ser um elefante, muito menos uma girafa, decidiu ser um leão.  
  Aquele era um burro sortudo, pois no mesmo dia encontrou uma pele de leão na mata. Então vestiu a pele e foi passear pela floresta.
   A cada passo que dava, ele se sentia como um verdadeiro rei das selvas. Ninguém zombou dele ou pensou em usar o seu lombo para carregar sacos de comida. E, pela primeira vez na vida, ele não teve de ouvir piadas sobre burros.
 No dia seguinte, encontrou o seu dono e resolveu pregar-lhe uma peça.  Avançou em sua direção e urrou como um leão.
 Bem... ele tentou urrar como um leão, mas zurrou como um burro.
  O homem desconfiou e, observando-o melhor, descobriu que o estranho animal tinha orelhas grandes e pontudas, Orelhas de burro!
  _ Isso está me cheirando tramoia! Esse deve ser o burro Adamastor, que fugiu ontem do sítio _ esbravejou o homem.
  Num gesto rápido, puxou a pele do leão.
  _ Ah, eu sabia... pois agora você vai conhecer o maior domador de leão de todos os tempos!
 Então, o homem colocou a pele de leão sobre o lombo do burro e, montando sobre o bicho, trotou para casa, chicoteando o animal com força.
     _ Eiaaaaa! Eiaaaaa!Eiaaaaa!



     Não basta mudar a aparência se a natureza permanece a mesma. 


 Há cristãos que são frequentadores da igreja e quando lá estão, conseguem manter um bom relacionamento com todos os irmãos em Cristo.
 Entretanto esses cristãos se são expostos a situações conflitantes, se mostram descontrolados e se tornam enfurecidos, deixando nítida a certeza de que a sua antiga natureza ainda controla sua maneira de agir.
 É necessário que esses cristãos se conscientizem  de que a transformação interior vai acontecendo quando a pessoa sente a alegria em obedecer a Deus.
 E quanto mais o cristão sentir o desejo de se comportar segundo a vontade de Deus mais abençoada será sua vida.

   " Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo." (2 Coríntios 5.17)

Extraído.


quinta-feira, 24 de maio de 2018

Ele Nos Amou Até o Fim.

Quando, pois, Jesus tomou o vinagre, disse: Está consumado! E, inclinando a cabeça, rendeu o espírito. (João 19.30)

Introdução.
Jesus, rendeu, isto é, se entregou a morte, e concluiu a obra redentora. Somos livres! Aleluia!

 A palavra de Deus diz, que todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus (Romanos 3.23). Por causa do pecado de Adão e Eva, todos pecaram, pois herdamos a natureza pecadora do pai da humanidade. O texto de Romanos 3. 23, diz:"...destituídos foram da glória de Deus." Ou seja, afastados foram da glória de Deus e da comunhão que tinham com ele.
 Adão e Eva foram feitos puros e, Deus os colocou num jardim, e todo dia no final da tarde, Deus descia e conversava com eles. Deus fazia e faz questão desse contato, dessa comunhão com seus filhos e, Adão e Eva conversava face a face com Deus. Costumo brincar quando falo a esse respeito, dizendo que se houvesse um chazinho da tarde na época, Deus o tomaria com Adão e Eva, pois, quando Jesus, que é a revelação do próprio Pai à humanidade, estava aqui na terra, ele sempre estava comendo junto com as pessoas, o comer junto trás comunhão e ele gostava dessa comunhão.
 Mas, depois do pecado Adão e Eva perderam essa comunhão e foram expulsos do jardim, um lugar que não podia habitar o impuro e nem a impureza. Todavia, Deus, onisciente que é, sabendo da queda do homem (ainda antes da fundação do mundo), já havia providenciado um plano de salvação para que o homem recuperasse  a comunhão com ele, e ficasse livre da condenação eterna. O plano foi enviar o seu único Filho para pagar nossa dívida, morrendo em nosso lugar.
 A palavra de Deus diz:  Por que  Deus amou o mundo de tal maneira, que deu seu Filho unigênito. Para que todo aquele que nele crê, não pereça, mas tenha a vida eterna.(João 3.16). Esse foi o plano de Deus, livrar a humanidade da morte eterna.
 A palavra de Deus diz que não há um justo se quer na terra, não há homem que não peque, todos precisam da libertação de seus pecados e só em Jesus podem alcançar. Não havia na terra nenhum homem justo, puro, imaculado que pudesse morrer em nosso lugar por isso o Filho de Deus veio, ele veio como um cordeiro para ser morto em nosso lugar; no Velho Testamento, Deus colocou uma lei, que um cordeiro perfeito, sem nenhum defeito, tinha que ser sacrificado uma vez por ano para o perdão dos pecados do povo, e Jesus foi o último e perfeito "cordeiro" a ser sacrificado em nosso lugar.
 João Batista, ao avistar  a Jesus, disse: Eis o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo. Jesus veio como um cordeiro e, como um cordeiro mudo, não abriu a sua boca. Jesus é o único capaz de tirar de nós o pecado e nos fazer puros, santos.
 Jesus nos amou até o fim! Ele veio como homem, ele deixou a sua glória, que tinha com o Pai no céu, foi humilhado, desprezado, perseguido... Ele sabia da imensurável dor pela qual passaria, sentiu grande agonia e tristeza pela expectativa da grande dor, mas, ele não desistiu de nós, ele nos amou até o fim, ele cumpriu o plano de salvação que Deus Pai elaborou, o de salvar a humanidade . Ele consumou, isto é, fez, cumpriu o plano de Deus Pai morrendo em nosso lugar, pagando assim a nossa divida. 
Por causa desse tão grande amor, somos livres; todos aqueles que creram nele foram livres. Livres da escravidão do pecado, livres da morte eterna. Somos livres para vencer o diabo e tudo o que ele oferece. Jesus diz: Se pois o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres.(João 8.36).
 Agradeçamos ao Deus Pai e a Deus Filho pela libertação, pela salvação  de nossa alma, pelo seu grande amor e misericórdia para conosco. Por ter nos resgatado das garras de Satanás e nos livrado do inferno. 
 Louvemos e glorifiquemos a Deus por isso, sejamos gratos a ele por esse tão grande amor, pois ele não olhou para nossas iniquidades, ele olhou para sua amada criatura que precisava ser salva. Seja fiel a Ele, ame-O acima de todas as coisas, pois ele  nos amou mais que a própria vida.
 Jesus, rendeu o seu  espírito e morreu, mas ao terceiro dia ressuscitou e, está ao lado do Pai intercedendo por todos que se chegam a ele.
  Não deixe de buscá-lo e ir a sua casa só porque se aborreceu com alguém, não foi esse alguém que se sacrificou por você, não seja ingrato, Jesus não merece isso. Ele merece todo nosso amor e consideração; então, não desista dele, pois ele não desistiu de você.

   Que Deus te abençoe ricamente em nome de Jesus!


Mensagem iluminada pelo Espírito de Deus.
Em:20/06/2016.
Por: Sandra Moura.

segunda-feira, 7 de maio de 2018

Superando Desapontamentos

Com frequência nossos maiores desapontamentos ocorrem quando pessoas falham conosco, ou pelo menos quando sentimos que falharam. Pessoas podem nos ferir profundamente. As vezes elas sabem que estão nos ferindo, mas outras vezes estão apenas fazendo o melhor que podem.
 Porém, , qualquer que seja o caso, o nível de realização e de felicidade que experimentamos não pode depender de outras pessoas; deve depender de Deus.
 É evidente que temos que confiar em outras pessoas para algumas coisas, e é doloroso quando elas não nos correspondem. No entanto, nosso sucesso supremo e nossa alegria não devem depender de pessoas. Não há por que prolongar o sofrimento que sentimos quando alguém faz ou deixa de fazer algo conosco, pois acima de tudo nossa recompensa está nas mãos de Deus.
 Também, ficamos desapontados quando acreditamos que fracassamos de alguma forma, talvez devido à falta de cuidado, ou mesmo após havermos empregado nossos melhores esforços. Mesmo quando temos que arcar com as consequências  das escolhas erradas que fizemos, Deus continua ao nosso lado(Miqueias 7:8). Mesmo diante de nossos piores fracassos, Deus haje para o nosso bem, desde que nos humilhemos na sua presença.
 Lembre-se desta verdade: "Erramos quando esperamos demais de nós mesmos, de outras pessoas e da vida_ quando nossas expectativas deviam se concentrar em Deus."

Ore ao Senhor:" Senhor, só tu és o meu guia, meu companheiro, minha força e minha vida. Em tempos de grande desapontamento, me apegarei a ti.
 Recuso-me a permitir que o desapontamento encha minha mente, minhas emoções e se revele no meu semblante. Entrego a ti todos os detalhes da minha vida, até mesmo a dor que sinto no coração. Usa-o para me aperfeiçoar e te glorificar.
Obrigado por tua bondade infinita para comigo. Em nome de Jesus, amém!"

                                                                           Stormie Omartian.

domingo, 22 de abril de 2018

O Princípio das Dores (Mateus 24. 3-14)

3- No Monte das Oliveiras, achava-se Jesus assentado, quando se aproximaram dele os discípulos, em particular,  e lhe pediram: Dize-nos quando sucederão estas coisas e que sinais haverá da sua vinda e da consumação dos séculos.
4- E ele lhes respondeu: Vede que ninguém vos engane.
5- Porque virão muitos em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo, e enganarão a muitos.
6- E, certamente, ouvireis falar de guerras e rumores de guerras; vede, não vos assusteis, porque é necessário assim acontecer, mas ainda não é fim.
7- Porquanto se levantará nação contra nação, reino contra reino, e haverá fomes e terremotos em vários lugares;
8- porém, tudo isso é o princípio das dores.
9- Então, sereis atribulados, e vos matarão. Sereis odiados de todas as nações, por causa do meu nome.
10- Nesse tempo, muitos hão de se escandalizar, trair e odiar uns aos outros;
11- levantar-se-ão muitos falsos profetas e enganarão a muitos.
12- E, por se multiplicar a iniquidade, o amor se esfriará de quase todos.
13- Aquele, porém, que perseverar até o fim, será salvo.
14- E será pregado este evangelho do reino por todo o mundo, para testemunho a todas as nações. Então virá o fim.


     "Eis que venho sem demora, e comigo está o galardão que tenho para retribuir a cada um segundo a sua obra." 
( Apocalipse 22. 12)

     " O Espírito e a noiva dizem: Vem! Aquele ouve, diga: Vem! Aquele que tem sede venha, e quem quiser receba de graça a água da vida." ( Apocalipse 22.17)


  Venha! Venha! À Jesus. Pois, Ele é: O Caminho pra sua salvação, a Verdade que te liberta, a Vida que vivifica aquele que está morto espiritualmente, a Água que sacia a tua sede espirital, o Pão que alimenta o teu espírito, a Luz que ilumina os teus caminhos, o General que luta as suas guerras, o Socorro quando estiveres angustiado, o Consolo quando estiveres triste... O Amor que lança fora todo o medo e, que te amou, nos amou tanto, que deu a própria vida por nós. Morreu em nosso lugar para pagar a nossa divida ao Pai, pois por causa de Adão, todos pecaram e destituídos foram da graça de Deus... 
Pois, a salário de pecado é a morte; e Jesus morreu para que tivéssemos vida. Mas, ao terceiro dia, Ele ressuscitou, e está a destra do Pai, intercedendo por todos os que o invocam e de braços abertos para receber a todos que vão à Ele.


           "Aquele, porém, que perseverar até o fim, será salvo."



                Que Deus te abençoe ricamente em nome de Jesus!


Por: Sandra Moura.
Em: 22/04/2018.























sexta-feira, 20 de abril de 2018

Arrependei-vos!

Compadece-te de mim, ó Deus,
segundo a tua benignidade;
e, segundo a multidão das tuas misericórdias,
apaga as minhas transgressões.
Cria em mim ó Deus, um coração puro
e renova dentro em mim
um espírito inabalável.
Não me repulses de tua presença,
nem me retires o teu Espírito Santo.
Restitui-me a alegria da tua salvação
e sustenta-me com um espírito voluntário.(Salmos 51. 1,10-12).
Disse Jesus: Arrependei-vos! Porque está próximo o Reino dos Céus. (Mateus 4.17)

Introdução.
 O homem é falho; e por falta de vigilância acaba caindo em tentação, cometendo pecado. Mas se houver um sincero arrependimento, seus pecados são perdoados e o sangue de Jesus o purifica de todo pecado.

 Amadoª, por que o salmista Davi escreveu o Salmo 51? Davi foi um homem considerado por Deus, homem segundo o seu coração. O próprio Deus declarou a respeito dele, dizendo: "Achei à Davi, homem segundo o meu coração." Isto significa que Davi estava de acordo com a vontade de Deus quando foi escolhido por Ele.
 Depois de muitos anos o rei Davi, resolveu descansar da guerra, pois além de rei ele também era guerreiro;  neste dia Davi  resolveu descansar e desfrutar a sua vida, as suas coisas e o seu reino, e Davi foi para a sacada de seu palácio contemplar a formosura de seu reino; e o que Satanás põe na frente de Davi? Uma linda e perfeita mulher, do jeito que veio ao mundo, tomando banho com a porta de seu quarto aberta.
Davi, não sabia que a preguiça que veio ao seu coração, em não sair para a guerra era o próprio Satanás o fazendo desanimar e abrir uma brecha pra ele entrar e o destruir. 
 E Davi viu aquela linda mulher, e ao invés de fugir dali como fez José,  ele deu corda para os desejos de sua carne, cobiçou e desejou aquela mulher. Davi chamou o seu servo e perguntou quem era aquela mulher, e seu servo disse que era a esposa de Urias um de seus guerreiros, e mesmo  sabendo que aquela mulher era proibida a ele, ele prosseguiu com seu intento em possuir aquela mulher.
 O rei Davi mandou chamá-la e, caiu em pecado de adultério com Bate Seba, mulher de Urias. Meses depois Bate Seba se acha grávida e informa a Davi de sua gravides, Davi ficou preocupado, pois a sentença de Bate Seba, por causa daquele pecado, era a morte por apedrejamento e,  a sua dignidade de rei e homem de Deus diante de seus súditos estava comprometida. E, Davi fez o que muitos que pecam fazem, tentou esconder o seu pecado; Davi mandou chamar Urias da guerra para que ele se deitasse com sua esposa, assim, o filho que Bate Seba esperava poderia se passar por filho de Urias, mas não deu certo.
 Urias se negou dormir no conforto de seu lar e de sua cama, se negou a desfrutar do deleite com sua esposa, enquanto seus companheiros de guerra estavam dormindo ao relento, longe de suas famílias e seu lares. Urias era fiel ao seu rei e aos seus companheiros, ele era solidário e dormiu à porta do palácio ao relento em solidariedade aos seus companheiro e, o rei Davi não conseguiu realizar o seu plano.
 Davi, idealiza um novo plano para esconder o seu pecado, escreve uma carta ao comandante da guerra, sela a carta, e manda Urias levar. Nesta carta há uma ordem para que o comandante coloque Urias na frente da batalha para que morresse, certamente Urias não era de frente de batalha e sim  de retaguarda e, Davi sabia disso, por isso a ordem, sabendo que com isso, certamente Urias morreria e acabariam seus problemas.
 Urias sem saber levou sua própria sentença de morte e foi morto da forma que o rei Davi planejou. Passado o tempo de luto, Davi casa-se com Bate Seba  e todos pensavam que o filho que ela esperava era de Davi. Davi estava tranquilo, achando que tudo estava resolvido, Bate Seba estava preste a dar a luz, quando, Deus enviou o profeta Natã ao palácio, e o profeta contou a Davi uma história,dizendo : "Havia, um certo homem rico, que daria um banquete, ele tinha em seu aprisco muitas ovelhas, mas ele chamou um dos seus criados mais pobre, que tinha uma única ovelha, e ele tirou a ovelha de seu criado e mandou matar e preparar para a festa.
 O profeta Natã perguntou a Davi o que deviria ser feito aquele homem rico? Davi com seu senso de justiça disse: "esse homem é digno de morte...! E Natã respondeu:" És tu este homem, hó rei Davi." E, quando Davi ouviu estas palavras ele despertou de tão grande pecado que cometera( no ditado popular: a fixa caiu). O pecado cega a pessoa, à deixa fora de si, a ponto dessa pessoa cometer atos que ela mesma nunca imaginaria cometer. E, Davi se lançou por terra arrependido e, se humilhou diante de Deus pedindo o seu perdão e, o Salmo 51 foi o seu pedido de perdão a Deus.
 Pecado escondido? De Deus ninguém esconde nada! Há pessoas que pecam e, se enganam achando que podem esconder o seu pecado e se esconder de Deus. Temos o exemplo de Adão e Eva que, depois que pecaram tentaram se esconder de Deus quando se viram nus, antes, Adão e Eva não percebiam a nudez porque eram puros, inocentes, mas depois do pecado a maldade entrou em seus corações, fazendo-os perderem a inocência.  
 Adão e Eva, sabiam que tinham errado, quando ouviram a voz de Deus os chamando, se esconderam temendo a Deus. E Deus o chamou: "Adão, aonde estás?" Deus, Onisciente que é, já sabia que eles haviam pecado e aonde estavam, mas queria que eles confessassem os seus pecados, para que assim fossem purificados.
 O outro exemplo é o próprio Davi, o personagem dessa mensagem. Vimos que ele fez de tudo para esconder seu pecado, mas como ninguém esconde nada de Deus e como Davi estava cego espiritualmente, achando que estava tudo certo em sua vida, Deus revelou ao profeta Natã o seu pecado e, o mandou a Davi para que ele fosse despertado do grande mal que fez  a Deus pecando contra a sua palavra, e contra o seu próximo, para que ele confessasse o seu pecado e alcançasse o perdão.
 Quando Deus revela o pecado da pessoa, não é para envergonhá-la, é para que ela confesse o seu pecado, pois só através do arrependimento e da confissão dos pecados a Deus é que a pessoa encontra perdão para os seus pecados. Deus espera  a pessoa se manifestar, se chegar a ele, mas se isso não acontece, ele revela, mais cedo ou mais tarde tudo vem a tona.
 Jesus diz em sua palavra que nada há encoberto diante de Deus que não venha ser revelado; o profeta Daniel diz que Deus revela o profundo e o escondido. Por isso, o pecado tem que ser confessado e deixado, pois a palavra de Deus diz que aquele que confessa o seu pecado e deixa, alcança misericórdia.
 O pecado não confessado trás tristeza para a alma. O salmista Davi, diz:"Faze-me ouvir júbilo e alegria..." a sua alegria se foi por causa do pecado escondido, por isso ele pede a Deus que à restaure.
 O pecado suja o coração. O pecado é sujo, por isso quem o comete e vive na prática do pecado perde a pureza de alma, isto é, de coração; foi assim que aconteceu com Adão e Eva quando pecaram perderam a pureza de alma. Depois que Deus revelou o pecado de Davi, ele pediu a Deus que o purificasse, ele disse:" Lava-me completamente da minha iniquidade e purifica-me do meu pecado. Cria em mim, ó Deus, um coração puro..." Davi queria que Deus restaurasse a pureza de seu coração.
 O pecado nos lança fora da presença de Deus e nos faz perder o Espírito Santo. O Espírito Santo é puro; o seu nome já diz que ele é Santo, e aonde há iniquidade não tem como ele habitar, pois são incompatíveis, ou seja, não combinam. 
 Não estou falando da nossa natureza pecaminosa que herdamos de Adão, estou falando da prática deliberada do pecado, isto é, da prática do pecado por vontade própria. Quando isso acontece, ou seja, quando a pessoa decide praticar o pecado, mesmo sabendo que está errada, e insiste em viver nele desagradando, assim a Deus, como foi no caso de Davi, o Espírito Santo se afasta, pois não tem como um ente Santo habitar aonde o pecado domina.
 O próprio salmista Davi, suplicou a Deus, dizendo:" "Não me lances fora de sua presença e não retires de mim o teu Santo Espírito. A palavra de Deus diz que o pecado nos separa de Deus; em Isaías 59 : 2, diz:"...mas as vossas iniquidades fazem separação entre vós e o vosso Deus..." Davi sentia que a sua comunhão com Deus não era mais a mesma( e de fato foi assim, não era, pois o fato dele planejar tão maldosamente e de forma tão traiçoeira  a morte de Urias,  demostra que um espírito maligno  estava dirigindo os seus pensamentos e sentimentos). 
  O mesmo aconteceu com Adão e Eva, eles tinham íntima comunhão com Deus Pai, todo dia  a tardinha Deus descia e vinha ao jardim conversar com eles. O pecado acabou com essa comunhão, e por causa disso foram expulsos do jardim, essa expulsão simbolizou a separação entre o homem e Deus.
 Com Saul, rei de Israel, foi do mesmo jeito, ele pecou contra Deus e insistiu permanecer no pecado, então, o Espírito Santo se retirou dele e um espírito maligno, ou seja, um demônio, passou a habitar no coração de Saul. Quando uma pessoa fica vazia de Deus o espírito maligno entra, pois ela está sem sua direção e proteção, e, se antes de se converter essa pessoa era dominada por demônios, o espírito maligno trás mais sete demônios e o último estado dessa pessoa é pior que o primeiro.
 O pecado tira a alegria da salvação. O salmista Davi, pediu a Deus:" Torna a dar-me a alegria da tua salvação..." Se ele está pedindo pra Deus tornar a dar, é porque ele já não tinha mais a alegria da salvação; por que? por causa da prática do pecado. O pecado não confessado o fez perder alegria que a certeza da salvação nos trás.
 E, qual é a solução? A solução é o arrependimento, confessar e deixar o pecado. O Senhor Jesus, diz: "Arrependei-vos! Pois é chegado o Reino de Céus." Arrepender-se, é sentir tristeza pelo pecado cometido, confessar esse pecado pra Deus e, dependendo da sua posição eclesiástica ou se é membro de uma igreja e, é  claro se foi um pecado de ordem moral, confessá-lo também ao seu pastor titular.
 O salmista Davi confessou o seu pecado, dizendo: "Contra Ti, contra Ti somente pequei..." Pois ele sabia que aquele que confessa o seu pecado e deixa, alcança misericórdia. Que, se confessarmos os nossos pecados, Deus é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça.
 Para ser perdoado e purificado por Deus tem que haver quebrantamento de coração, é preciso se humilhar diante de Deus confessando o pecado cometido; ao fazer isso o perdão de Deus é alcançado e, é restaurado à pessoa tudo o que ela perdeu por causa do pecado.  É restaurado: 
a alegria , o coração puro, a comunhão com Deus através da presença do Espírito Santo, a certeza da salvação e consequentemente, a alegria dela.
 Amadoª, O Espírito Santo nos alerta hoje, através dessa mensagem, que ninguém esconde nada de Deus.  Que o pecado tem que ser confessado, pois se isso não acontecer, Deus vai revela-lo; para que o indivíduo se arrependa, confesse e deixe o pecado; para que ele se salve da condenação eterna. 
 Jesus diz: " Arrependei-vos..." Tem que se arrepender  e mudar de rumo, largar a prática do pecado para entrar no Reino de Deus. Queridoª, eu não conheço a sua vida, mas Deus conhece; se você está na prática do pecado e ainda não se arrependeu e nem confessou a Deus esse pecado, é hora de fazê-lo, pois Jesus quer isso de você e, disso depende a sua salvação eterna.

    Que Deus te abençoe ricamente em nome de Jesus!

Mensagem iluminada pelo Espírito Santo.
Em: 10/11/2016.
Autora: Sandra Moura.

  
   


















































terça-feira, 27 de março de 2018

Vencendo a Tentação (Ilustração)

Certa vez sansão foi a Gaza, viu ali uma prostituta, e passou a noite com ela.(Juízes. 16.1)


   Certo pastor estava distante de casa, realizando uma série de conferências em uma grande igreja evangélica. Ele estava hospedado em um confortável hotel e, todas as noites daquela semana, por volta das 22:30, alguém da igreja o deixava no hotel. Ele então atravessava o saguão, indo até a recepção buscar a chaves do seu quarto e depois se recolhia.
  Na sexta-feira, passava alguns minutos das 22:30, quando o conferencista caminhou pelo hall do hotel, dirigiu-se até a recepção e solicitou a chave do seu quarto. Depois, dirigiu-se ao elevador mas, subitamente, mudou o seu rumo para o bar do hotel, onde sentou pedindo um suco. "Vou ficar aqui um pouco; amanhã é sábado e poderei acordar mais tarde." A princípio, não reparou que, na outra ponta do balcão, havia uma loira lindíssima olhando fixamente para ele. Mas logo o pastor percebeu que era observado. Ele viu a mulher_ era muito bonita_ pensou e calculou que ela tivesse no máximo 42 anos. A mulher deu um amplo e desconsertante sorriso para o pastor, que permaneceu sério, sem devolver o gesto. Em seguida, ela levantou-se e, com aquele sorriso no rosto, veio andando graciosamente na direção do pastor, parou ao seu lado e disse-lhe: "Está procurando diversão?" Ela perguntou olhando-o nos olhos, mantendo aquele sorriso perturbador. O suave perfume da mulher atingiu o pastor em cheio. Ele olhou fixamente para ela e, educadamente, porém, com firmeza, disse: "Não, com licença."
 Dizendo estas palavras, o pastor levantou-se e foi embora.

                                                                            Paulo Pancote, pastor, professor de teologia e escritor.


Reflexão De Um Homem Íntegro

  Como disse um escritor, "a tentação é como poeira, cai sobre todo o mundo." Apesar disso, a tentação não é pecado; ceder a ela é que se constitui pecado. No texto bíblico acima, Sansão viu uma prostituta, não resistiu a tentação e dormiu com ela. Enquanto Sansão olhava e ela, provavelmente, se insinuava para ele, o pecado ainda não estava consumado. Mas a partir do momento em que Sansão, no seu coração planejou e decidiu ficar com ela, o pecado aconteceu.
  Tiago mostra como o mecanismo da tentação é desencadeado. Ele afirma que " cada pessoa pode ser tentada quando é atraída e seduzida pelo seu próprio desejo." Depois em língua figurada, ele diz que "o desejo, que já havia seduzido a pessoa, vai conceber e dar a luz ao pecado." (Tiago 1. 14-16) O pecado, portanto, é filho da cobiça.
   Vivemos hoje num mundo cheio de tentações. Homens e também mulheres são tentados no trabalho, numa simples ida ao supermercado, também numa festa, numa reunião de negócios; até mesmo na igreja a tentação pode acontecer. Mas Jesus diz como agir em relação a tentação: "Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito está pronto, mas a carne é fraca." (Mateus 26.41) Esta é a receita para enfrentar e vencer a tentação.

     "Portanto, submetam-se a Deus, resistam ao Diabo e ele fugirá de vocês."  ( Tiago 4.7)

Extraído.

sexta-feira, 2 de março de 2018

Aonde Jesus Está o Milagre Acontece (II)

 E aconteceu que, num daqueles dias, entrou num barco com seus discípulos...
 E, navegando eles, adormeceu; e sobreveio uma tempestade de vento..
E, chegando-se a ele, o despertaram, dizendo: Mestre, Mestre, estamos perecendo.
E, Ele levantando-se, reprendeu a fúria do vento e da água, e cessaram, e fez-se bonança.
E disse: Onde está a vossa fé? E temendo, disseram: Quem é este, que até aos ventos e a água manda, e lhe obedecem? (Lucas 8. 22-25).
E disse-lhe Jesus: Hoje, veio salvação a está casa, pois este também é filho de Abraão.
Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido.(Lucas 19. 9,10)

Int.
 Quando Jesus se faz presente em nossa vida e em nossa casa, a tempestade é acalmada, as nossas necessidades são sanadas e há salvação.

 Aonde Jesus está, há bonança. No texto bíblico acima, lemos a narrativa sobre o milagre de Jesus, acalmando a tempestade. Vimos nesta história que Jesus estava no barco, porém, os discípulos agiram como se estivessem sozinhos, desamparados e, ficaram desesperados.
 Por um momento, eles esqueceram do que Jesus podia fazer, dos milagres que eles mesmos presenciaram, mas, logo lembraram do poder de Jesus e clamaram  a ele por ajuda e, Jesus acalmou aquela tempestade.
 As vezes se levanta uma "tempestade" em nossa vida, em nossa casa, ou seja, os problemas familiares, financeiros, enfermidades... que tiram a nossa paz, a nossa tranquilidade. E, as vezes, assim como os discípulos esquecemos de Jesus, e do que Ele pode fazer por nós e, nos desesperamos, achando que vamos perecer, que não haverá mais jeito para nós, mas, se você clamar por Jesus, ele vem e acalma essa "tempestade", trazendo bonança, isto é, paz, tranquilidade, a solução para todos os problemas que você vem enfrentando.
 Aonde Jesus está, há provisão. O nosso Deus, é um Deus provedor, ele nos dá tudo o que precisamos. Em João  2.1-10, narra a história de um casamento, o Senhor Jesus, sua mãe e o seus discípulos estavam presentes.
 Pela narrativa, parece que Maria, mãe de Jesus, era íntima daquela família, pois, ela soube que havia acabado o vinho no meio da festa. Imagina o constrangimento que aquela família iria passar se soubessem daquela situação, seria uma vergonha diante dos convidados, trazendo para os dias de hoje, é o mesmo que acabasse o refrigerante, a comida no meio da festa, que situação chata, não é mesmo?
 Mas, Maria, tinha uma solução para aquele problema, pois ela sabia que aonde Jesus está, o milagre acontece. E, Maria pediu ajuda a Jesus e, ele transformou a água em vinho trazendo assim, a solução daquele problema e livrando aquela família do constrangimento diante dos seus convidados.
 O nosso Senhor Jesus sabe de tudo o que necessitamos, e provê as nossas necessidades. As vezes, a pessoa acha que é demais pedir algo material pra Deus, e há pessoas que acham que Deus não se agrada disso, mas, não, podemos ver nessa passagem ao contrário, podemos pedir o que quisermos para o nosso Deus.
  Tal vez, você precisa de que Deus  providencie algo material em sua vida, tal vez, é um emprego, uma casa, um carro, alimentos...Tal vez um pagamento de uma dívida, e esse problema está tirando a sua paz, trazendo constrangimento pra você, mas, se você fizer como Maria fez, se tu clamar há Jesus pedindo-lhe que te ajude, ele entrará com providência em sua vida, pois aonde Jesus está, há provisão.
 Aonde Jesus está, há salvação. Há na Bíblia, a história de um homem chamado Zaqueu; Zaqueu era chefe dos coletores de impostos, e, diz o texto que ele era rico, mas, a sua riqueza não não lhe trazia paz, alegria de espírito... e, um dia, ele soube que Jesus iria passar pelo caminho, perto de sua casa. Ele procurou ver Jesus, pois a fama do Senhor Jesus era grande, porém Zaqueu era de pequena estatura e, ele teve que subir em uma árvore para poder ver a Jesus.
 Jesus o viu, e disse: Zaqueu, desce depressa pois vou pousar em sua casa hoje, ou seja, vou descansar, passar a noite em sua casa. E, Zaqueu com muita alegria, desceu depressa, pois iria hospedar a Jesus de Nazaré, o Filho de Deus em sua casa.
  Zaqueu não era salvo, mas, estava sedento por salvação, e quando o Senhor Jesus chegou em sua casa, ele foi tocado por suas palavras e, Zaqueu abriu o seu coração e foi salvo, pois aonde o Senhor Jesus chega, há salvação.
 Tal vez, você tem buscado a salvação e a libertação de um familiar, e a demora da resposta de sua oração tem tirado a sua tranquilidade. Mas, tenha certeza de uma coisa, se Jesus está em sua vida, logo está em sua casa, então haverá salvação em sua casa e, tenha certeza que mais cedo ou mais tarde, você poderá declarar: 'Eu e minha casa, servimos ao Senhor'.
  Tal vez, tal, qual, Zaqueu, você tem tudo materialmente falando, pra ser feliz, mas, sente dentro de si, um vazio, nada te satisfaz, há falta de paz, de alegria de espírito. Digo-te: Você precisa de Jesus! Só em Jesus você encontrará o que precisa, não adianta você procurar nas religiões, em líderes religiosos, em filosofias... a paz, a salvação e alegria que necessitas, só Jesus pode  lhe dar isso; faça como Zaqueu e muitos outros fizeram, deixe o Senhor Jesus entrar em sua "casa", isto é, em seu coração e, você receberá tudo isso e experimentará o melhor de tudo que já teve em sua vida.
 Queridoª,  vimos nessa mensagem, que quando o Senhor Jesus está em nossa vida, todas as nossas necessidades físicas, espirituais e materiais são providas. Os problemas que assolam nossa vida são cessados, pois aonde o Senhor Jesus está o milagre acontece.

   Que Deus te abençoe ricamente em nome de Jesus!

Mensagem iluminada pelo Espírito de Deus.
Em:25/01/2016.
Por: Sandra Moura.