quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

O GATO E OS RATOS (Ilustração)




Havia uma casa completamente cheia de ratos. Um gato soube disso e foi até lá e, pouco a pouco, ia devorando os ratos. Mas eles, vendo que estavam sendo caçados rapidamente, resolveram ficar escondidos em suas tocas.
Não podendo pagá-los, o gato planejou uma armadilha para que eles saíssem. Subiu no alto de uma viga, e deitado nela se fingiu de morto.
Porém, um dos ratos apareceu, o viu e lhe disse:
_ Escuta aqui, amiguinho: Mesmo que você fosse um saco de farinha eu não me aproximaria de você.
Moral da história: Os malvados, quando não podem ferir suas vítimas diretamente, procuram um truque atraente para fazer isso. Tome sempre muito cuidado com o muito lindo e atraente que lhe oferecem.


A atitude do gato dessa fábula representa bem o comportamento do diabo, pois ele raramente se apresenta de maneira feia ou assustadora quando quer destruir a vida de uma pessoa.
Ele vem sorrateiramente, sem dar alarde de sua chegada, com o objetivo de matar, roubar e destruir todas as pessoas, pois ele odeia o ser humano, por isso luta incessantemente para nos fazer sofrer, e principalmente para nos fazer desistir de seguir o caminho da salvação.
Por isso, fique atento; ore sempre; peça ao Senhor que o livre das tentações e das investidas do inimigo; e, acima de tudo seja prudente nas suas atitudes.


"Revesti-vos de toda armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo." (Efésios 6.11)
(Extraído)

Um comentário:

  1. Oi Sandra eu estava lendo sua postagem é muito interesante gostei, Achei difício você achar as imagens que conbinam com a mensagem. É meio dificultoso. Eu como tenho muitos blogs eu ponho imagens só para enfeitar, Não dá para encontrar uma imagem que conbine é difício. Está preparada para viajar para Conseição Macabu dirigindo, Eu pedi o David para te dar as dicas do caminho não sei se ele esteve com você. Abraços sua mami!!

    ResponderExcluir