sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

"A OVELHA BRANCA"


Aquele era um rebanho lindo! Todas as ovelhinhas bem pretinhas. moravam todas juntinhas num vale cercado para não se misturar com as ovelhas de outras cores. Eram todas iguaizinhas. De longe,ninguém sabia quem era quem. De perto também.

Todas pensavam igual. Falavam igual. Só um medo pairava sobre aquele rebanho: o nascimento de uma ovelha branca; - Veja marido, que horror! A quem será que ela saiu?

O marido de dona Lulu ficou mudo de susto. O problema cresceu. Num instante, o rebanho todo sabia que tinha nascido uma ovelha perigosa.

Enquanto o rebanho mastigava, ruminava o problema, dona Lulu cuidava de sua filhinha, da sua ovelhinha. Mas foi aí que apareceu uma ovelha balindo furiosa: - Onde já se viu, dona Lulu, fazer isso conosco? Como a senhora ousou ter uma filha diferente, branca?

Dona Lulu, ovelha que era, virou leoa, fera. Mostrou os dentes: - Ousei fazer isso e vou fazer muito mais. Vou fazer a minha trouxa e vou procurar um rebanho onde cada um possa ser do jeito que é. Mas quando olharam para trás viram que todo o rebanho vinha andando também.

E com a força de todo rebanho, elas derrubaram as cercas e se misturaram com as ovelhas de outras cores, dos outros vales. E o vale ficou todo malhado com ovelhas brancas e pretas misturadas, balindo contentes da vida.


Pessoas diferentes,com personalidades diversas. No entanto, todas com um ponto em comum; A presença de virtudes e defeitos. Assim pode ser caracterizado o ser humano.

São essas virtudes e esses defeitos que formam a essência do homem enquanto, paradoxalmente, revelam as características distintas de cada um.

Por essa razão, Deus, que conhece a essência de ser, adverte que todos são iguais, apesar das diferenças. E o cristão deve ser o primeiro a respeitar e a saber conviver com essas diferenças, preferencialmente exaltando as virtudes do seu semelhante e ignorando os suposto defeitos. Afinal, se Deus não faz acepção de pessoas, por que deveríamos atribuir a nós mesmos o direito de discriminar nosso semelhante?


"Porque, para com Deus, não há acepção de pessoas." (Romanos 2.11)

"Mas, se fazeis acepção de pessoas, cometeis pecado, e sois redargüidos pela lei como transgressores." (Tiago 2.1)

(Extraído)


"JESUS TE AMA! ELE É O CAMINHO PARA SUA SALVAÇÃO E PARA SUA FELICIDADE!"

"Procure uma igreja evangélica mais próxima de sua casa."

Um comentário:

  1. Sandra a paz do Senhor, Continue Orando por nós para que o Senhor continue nos dando espiração para poder faler do nosso Deus, Sandra você já abriu o novo blogs.
    http://momentosdereflexomomentos.blogspot.com.já mudamos o telefone é o mesmo a casa é boazinha. abraçõs sua mãe.

    ResponderExcluir