segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Buscando a Orientação Divina




 Ensina-me a fazer a tua vontade, pois és o meu Deus; guia-me o teu bom Espírito por terra plana.
 Pois este é o nosso Deus para todo sempre; ele será nosso guia até a morte. (Salmos 143. 10; 48.14)

Introdução.
 Em certos momentos da vida ficamos desorientados, sem saber o que fazer ou que rumo devemos tomar. Mas, se buscarmos a orientação de Deus seguiremos por caminhos certos.

 O texto base  e o texto de apoio dessa mensagem nos mostra a importância de buscarmos a orientação, a direção de Deus. O salmista Davi nesses Salmos e em muitos outros nos mostra que ele  não abria mão da orientação, da direção de Deus pois sabia que se Deus o guiasse tudo ia dar certo em sua vida; e assim foi, enquanto Deus o dirigia tudo dava certo, enquanto Davi seguia a orientação de Deus ele era vitorioso, porém, quando ele resolveu seguir os seus próprios caminhos, estes o levaram a ruína.
 Todos nós conhecemos a história de Davi, da sua queda espiritual quando adulterou com Batesseba e ainda para piorar a situação mandou matar o marido de sua amante,  com essa atitude Davi se tornou um dos piores homens, naquele momento Davi não era nem sombra do homem que era antes, homem considerado pelo próprio Deus como um homem segundo o Seu coração. É certo quando a Bíblia diz que "há caminhos que ao homem parece direito, mas o fim deles é morte". Mas Davi tinha uma característica importante, ele era humilde e reconheceu o seu erro, arrependeu-se, pediu perdão a Deus e foi perdoado.
 Temos na palavra de Deus exemplos de outras pessoas que também não abriram mão da orientação, da direção de Deus. Me lembro do exemplo de Moisés, quando Deus disse para ele que não ia adiante dele  e do povo de Israel, mas iria manda o Seu anjo pois o povo havia provocado imensamente a sua ira, se ele fosse acabaria consumindo o povo. Porém, Moisés não aceitou o anjo, ele disse: "Senhor, se tu não fores conosco não nos faça sair daqui."(Êxodo 33.15) Moisés sabia que a orientação, a direção de Deus era indispensável, necessária e vital para ele e para o povo de Israel.
 O nosso Deus é o nosso guia, a nossa luz é ele que ilumina nossos passos e nos guia por caminhos certos.
 Um outro exemplo foi o do servo de Abraão, este recebeu uma ordem do seu senhor ele tinha que viajar até a terra se seu senhor a fim de arrumar uma esposa para Isaque no meio de sua parentela. Este servo que a bíblia não relata o nome em certo momento de sua caminhada orou ao Senhor pedindo-lhe direção para achar a moça certa , aquela que Deus já havia preparado para ser esposa de Isaque, e assim foi, Deus colocou no seu caminho a Rebeca a futura esposa do filho de seu senhor, justamente era ela da parentela de se senhor Abraão. Quando buscamos a orientação de Deus ele  nos guia em direção certa, não importa pra que seja a compra de uma casa, a procura de um emprego, de uma esposa, na abertura de um negócio, etc,etc. Seja o que for Deus vai nos dirigir para o melhor pois é isso que ele quer para todos nós.
 Essa orientação tem de ser buscada por toda vida, jamais deve ser dispensada, a palavra de Deus diz que nosso Deus nos guiará até a morte. Se buscarmos sempre a orientação, a direção de Deus tudo vai dar certo em nossa vida pois Ele sabe o que é melhor para nós.
 Talves você se encontra desorientadoª e não sabe que rumo deve tomar, talves a duvida seja se abre um negócio ou não, se mantém esse relacionamento pessoal ou não,etc,etc,etc. Aconselho-te à buscar a orientação de Deus, busque-a através de Sua palavra, se ainda continuar com dúvida procure o seu pastor ou uma pessoa que tem compromisso com Deus e sua palavra, isto é, procure a pessoa certa, não busque orientação de qualquer pessoa, esteja convicto de que a pessoa que você procurar seja a certa; pois do contrário você poderá receber maus conselhos. Jamais dispense a orientação, a direção de Deus, busque-a até o fim de sua vida fazendo assim você será bem-sucedidoª em tudo o que fizer.

    Que Deus te abençoe ricamente em nome de Jesus!

Mensagem iluminada pelo Espírito de Deus.
Em: 03/02/2013.
Autora: Sandra Moura.





 

Nenhum comentário:

Postar um comentário