sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Não Jogue Palavras ao Vento (Ilustração)


Certo dia, uma senhora ia passando pela rua quando viu através da janela, uma cena terrível: O seu pastor estava correndo atrás da esposa com uma vassoura. Escutava seu grito e a via correndo para tentar escapar. Indignada, contou isso a várias pessoas, E em pouco tempo toda cidade já sabia do acontecido.
A liderança da Igreja, diante do fato. Reuniu-se e tomou a decisão de desligar o pastor do seu ministério. Ele aceitou a decisão sem argumentar, apenas pediu para fazer um culto de despedida. No dia marcado depois da mensagem, o pastor convidou sua esposa para o púlpito para que ela explicasse às pessoas porque ele estava sendo afastado do seu ministério.
Ela então explicou: "Meu marido está sendo desligado por ter me espancado( pelo menos foi esse o motivo alegado para o seu desligamento); Mas o que realmente aconteceu foi que, quando eu fazia a faxina da casa, apareceu um rato que começou a correr pelo cômodo.Eu comecei a gritar e a correr. Meu marido apanhou uma vassoura e começou a correr atrás do rato para o matar. Por isso estamos indo para outra cidade, mas gostaria que a pessoa que espalhou a falsa notícia sobre meu espancamento viesse até aqui, pois estamos prontos a perdoá-la pelo engano cometido."
Todos os presentes sabiam quem havia espalhado a mentira, por isso aquela senhora não teve outro jeito, senão ir até lá e pedir perdão. Então o pastor lhe disse: "Eu a perdoo, mas a irmã terá que cumprir um pedido que vou fazer, tudo bem?"
Ela concordou. Assim o pastor deu-lhe a seguinte incumbência: "Apanhe um travesseiro de penas, vá até o alto do morro num dia de vento forte e solte todas as penas no ar. No dia seguinte, volte e recolha todas as penas sem perder nenhuma e recomponha o travesseiro para ele ficar do jeito que era antes."
A mulher respondeu: "Ah, pastor, isto é impossível! Depois que o vento espalhar eu não conseguirei mais ajuntá-las."
O pastor então disse: "Pois foi exatamente o que a senhora fez com minha vida! Eu nunca mais terei o mesmo respeito das pessoas desta cidade, Por isso estou indo embora.
"Mas nenhum homem pode domar a língua, É um mal que não se pode refrear, está cheia de peçonha mortal." (Tiago 3. 8) "Meus irmãos, não convém que isto se faça assim." (Tiago 3. 10 b)
(Extraído)

3 comentários:

  1. mensagem maravilhosa. Veradeiramente precisamos frear a nossa lingua.. e refletir muito naquilo que vamos levar adiante. Jesus é o nosso Senhor

    ResponderExcluir
  2. devemos tomar muito cuidado com aquilo q falamos

    ResponderExcluir
  3. Devemos ter muito cuidado com que falamos,todo palavra depois de pronunciada não temos mais controle sobre ela.Devemos meditar no que diz em Mateus 12:36.

    ResponderExcluir